Uma visão sistêmica
para criar novas experiências
em mobilidade

 
 

As novas tecnologias estão impactando a forma como as pessoas se locomovem pelo mundo em um ritmo cada vez maior. Para caminharmos rumo ao futuro que desejamos, precisamos colocar a inovação a serviço da criação de melhores experiências de transporte, guiadas por uma abordagem mais humana e sustentável. Agora é a hora de imaginar novos sistemas de mobilidade que possam transformar nossas necessidades e sonhos em experiências verdadeiramente significativas.

 
 

A mobilidade corre nas nossas veias

 

 
 

A Questto|Nó é uma consultoria de inovação e design que nasceu em São Paulo e hoje já transita por outras duas cidades: Nova York e Rio de Janeiro. Nesses 24 anos de andanças, já desenvolvemos novos carros, motocicletas, embarcações e até mesmo caminhões. Cada uma dessas experiências nos tornou aficcionados por mobilidade, e é por isso que gostamos tanto de imaginar e criar novos sistemas de transporte que transformem a experiência das pessoas hoje e no futuro.

 
 

De olho na transição que se anuncia em algumas das grandes metrópoles mundiais, a Questto|Nó reuniu seus times paulistano e nova-iorquino para imaginar um sistema integrado de mobilidade que permita a coexistência entre veículos autônomos, carros convencionais e outros modais.

 
adam-grabek-28280_2.jpg
 

 

Como será a transição para a
era autônoma?

 

Uma nova realidade está mais perto do que você pensa

Há apenas 2 ou 3 anos, quando se falava em carros autônomos, as pessoas imaginavam um futuro distante ou um filme de ficção científica. Agora sabemos que é apenas uma questão de tempo para que nossas vidas estejam cercadas por eles. Google, Uber, Tesla e várias outras montadoras aplicam testes e pequenas atualizações em sua tecnologia todos os dias, o que nos aproxima cada vez mais da nova era.


Individual X Coletivo

Os transportes individuais e coletivos têm diferentes vantagens e desvantagens. O individual é menos eficiente em termos de otimização de energia, mas permite que as pessoas tenham mais liberdade em relação ao seu destino final. Em contrapartida, o transporte coletivo é mais sustentável, mas as pessoas têm menos flexibilidade para ir direto do ponto A ao ponto B. Buscamos uma maneira de equilibrar as vantagens dos dois sistemas de transporte em uma solução única.


 

Precisamos de grandes mudanças em infraestrutura?

Muitas vezes pensamos que grandes mudanças de infraestrutura serão necessárias para implementar um novo sistema e atingir a máxima eficiência dos carros autônomos. Imaginamos um cenário de baixo custo, que otimiza a infraestrutura já existente na cidade e permite que o sistema autônomo atinja sua máxima eficiência.

Digital Rails: uma solução sistêmica

 

 

Digital Rails é uma malha de vias dedicadas a carros autônomos, orquestrada virtualmente por um sistema aberto de dados. Essa plataforma coordena semáforos inteligentes e veículos autônomos para que seus passageiros tenham a garantia de uma rota expressa que nunca pára, ao mesmo tempo que permite que veículos autônomos e não autônomos coexistam lado a lado.

As Digital Rails partem de uma lógica sistêmica que combina iniciativas governamentais e industriais. O poder público é o principal agente de transformação, responsável por determinar as vias que receberão as Digital Rails e aplicar os elementos virtuais e estruturais que permitem o seu funcionamento.

Em paralelo, marcas e indústrias têm a missão de desenvolver diferentes veículos autônomos que atendam às especificações dimensionais e técnicas das Digital Rails para integrar novos veículos.

 

Como funcionam as Digital Rails?

 
pilares1.png

A_Sistema Aberto de dados

pilares2.png

B_Faixas exclusivas nas vias principais

pilares3.png

C_Formação de comboios

A_Sistema aberto
de dados

 

Todas as vias da cidade passam a ser coordenadas virtualmente por um sistema inteligente que determina a abertura e fechamento dos semáforos e que envia dados através de uma API aberta para os veículos autônomos acessarem as rotas de onda verde.

A lógica atual de funcionamento, onde os carros são priorizados em detrimento dos semáforos, é mais propensa a atrasos no tráfego, por conta da imprevisibilidade do fator humano. O sistema Digital Rails inverte essa ordem, considerando o tempo de abertura e fechamento dos semáforos inteligentes como um dado fixo, que determina o ritmo dos carros. Em contrapartida, toma como variáveis três dados relacionados aos comboios – sua velocidade, o seu comprimento e a distância entre diferentes comboios – para determinar a posição e rota dos veículos.

 

 
 
 
 
 

B_Faixas exclusivas

 

Este sistema requer apenas uma faixa exclusiva para veículos autônomos, o que elimina a necessidade de infraestrutura complexa, reduzindo vertiginosamente os custos de implementação das Digital Rails. Para manter um fluxo equilibrado de veículos, elas estão distribuídas por ruas mais propensas ao tráfego e vias primárias da cidade.

A faixa da esquerda é expressa, exclusivamente povoada por comboios de carros autônomos. Já as outras faixas da via funcionam como espaços compartilhados por onde trafegam ambos os veículos não-autônomos e autônomos, quando não estão inseridos em um comboio expresso.

As faixas exclusivas têm a mesma largura das faixas compartilhadas, mas são capazes de acomodar duas fileiras de veículos autônomos (por isso eles são menores), garantindo uma área de transição para que a formação dos comboios aconteça de maneira eficiente e segura.

 

C_Formação de comboio

 

Os comboios que se formam nas faixas exclusivas são reativos ao pulso determinado pelo sistema de dados. Os veículos inseridos nos comboios navegam pelas ondas verdes, acelerando o trajeto dos passageiros que escolhem as Digital Rails.

O sistema de dados calcula a rota mais rápida e determina o tempo e a velocidade certos para que os carros se posicionem dentro de um comboio, conectando-se às Digital Rails no lado esquerdo das faixas exclusivas.

 

Plataforma única para diferentes produtos e serviços

 

Um sistema de entregas mais eficiente, respostas mais rápidas na área de saúde, coleta otimizada, além da facilidade de locomoção pela cidade por qualquer pessoa. Digital Rails é uma plataforma que possibilita a exploração dos veículos autônomos em diferentes aplicações, tornando a cidade mais inteligente e sustentável.

 

Máxima eficiência a um botão de distância

 

Tecnologias que deixam o dia-a-dia mais simples e prático. Com o toque de um botão, você pode se deslocar para qualquer lugar de forma rápida e eficiente.